#AV | #Elétricos | #Goiás

Esporte a motor em Goiás, no Brasil e no Mundo

sábado, 10 de novembro de 2012

Em Phoenix, Piquet Jr é coletado em acidente, se recupera e termina em oitavo


"Saio frustrado pelo resultado depois de largar na pole. Mas o time está de parabéns pelo trabalho feito para recuperar o truck e me permitir chegar de novo no top-10", diz o brasileiro

Pela 14ª vez em 21 corridas na temporada Nelsinho Piquet conquistou nesta madrugada em Phoenix mais um top-10 na Nascar Truck Series. Apesar disso, o piloto brasileiro deixou a pista de uma milha do Arizona aborrecido.

"Com certeza estou bem chateado pelo resultado", disse ao deixar seu Chevrolet Silverado após a prova, uma das mais acidentadas de 2012: foram nove bandeiras amarelas e uma vermelha.

"Depois de mais uma pole, poderia ter sido um final de semana muito melhor", resumiu Piquet Jr.

A frustração do piloto teve origem na quinta bandeira amarela da prova, na volta 66. O truck #30 acabou atingido na lateral e na traseira por dois adversários e precisou fazer seguidas passagens pelos pits para os mecânicos da equipe Turner o devolverem à pista em condições competitivas.

Até aquele momento, o brasileiro esteve sempre sólido entre os cinco primeiros. Após saltar bem na largada, o truck #30 sustentou a ponta por nove voltas. Ainda que a picape estivesse um pouco traseira, o ritmo nas primeiras 50 voltas só não era melhor que o do truck#18, que acabou vencendo a corrida.

"Depois da batida, mudou completamente o cenário. Virou uma corrida de sobrevivência. O time está de parabéns pelo trabalho feito para recuperar o truck e me permitir chegar de novo no top-10", contou Nelsinho, que chegou a perder a volta dos líderes enquanto sua picape passava por reparos.

Felizmente o picape conseguiu retornar para a pista e posteriormente foi favorecida pelo "lucky dog", recuperando a volta perdida na bandeira amarela da volta número 74. Na Nascar, o retardatário mais bem classificado pode recuperar uma volta de déficit nas bandeiras amarelas (desde que não seja ele o causador da interrupção da prova).

Pouco a pouco, Nelsinho foi escalando o pelotão novamente, até que protagonizou uma das mais duras batalhas da corrida, disputando o sétimo lugar com Cale Gale até o final da prova.

"Agora é pensar em vencer na corrida de Miami sexta que vem. Nosso final de temporada tem sido muito forte e a única coisa que me interessa em Homestead é acabar a corrida no victory lane", contou o piloto, que acumula uma vitória, duas poles, um segundo e um terceiro lugar nas últimas cinco corridas da Truck Series.
De quebra, com a pole em Phoenix (sua quarta em 2012), Nelsinho se isolou na liderança do ranking dos pilotos com mais largadas na posição de honra na temporada.


Resultado da corrida: 
1. Brian Scott
2. Kyle Larson
3. Joey Coulter 
4. Timothy Peters
5. Ryan Blaney 
6. Ryan Sieg 
7. Cale Gale
8. Nelson Piquet Jr. 
9. Ryan Truex
10. Justin Lofton

Classificação no campeonato (top-10)
1. J. Buescher 777
2. T. Peters 766
3. T. Dillon 765
4. J. Coulter 748;
5 P. Kligerman 740
6. M. Crafton 727
7. N. Piquet Jr. 706
8. J. Lofton 675
9. J. Sauter 639
10. M. Paludo 629 


Sobre a Nascar Truck Series

A Nascar Camping World Truck Series é uma das três categorias de abrangência nacional da Nascar e é disputada desde 1995 por picapes em provas que acontecem apenas em pistas ovais. 

Atualmente, há quatro fornecedoras de caminhonetes para a categoria: Chevrolet, Ford, Dodge e Toyota. A temporada de 2011, vencida por Austin Dillon, foi disputada por mais de 40 pilotos. As corridas tiveram, em média, 33 mil pagantes.

A temporada de 2012 terá 22 provas. Começou em Daytona e termina em 16 de novembro, em Homestead (Miami). 


Sobre a Nascar

Fundada em 1948 por William Henry Getty France, a Nascar (National Association for Stock Car Auto Racing) é a mais tradicional categoria do automobilismo nos Estados Unidos. É a competição profissional líder em público pagante e segunda colocada em termos de audiência na TV americana. 

Ela possui três categorias de disputas nacionais, além de inúmeras outras em divisões locais, que configuram a base da cultura do automobilismo competitivo nos EUA.

A principal categoria é a Nascar Sprint Cup Series, que tem 36 provas ao longo do ano. O atual campeão é Tony Stewart.

A outra divisão da Nascar é a Nascar Nationwide Series, que teve sua temporada inaugural em 1982. Seus carros são bastante parecidos com o da Cup, só que com potência inferior. Neste ano, Nelsinho Piquet corre algumas provas dessa categoria pela equipe Turner. Foi nesta divisão que ele obteve a primeira vitória de um brasileiro nas categorias nacionais da Nascar, em Road America.


Contato
Luís Ferrari
55 11 98666 8307 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem-vindo ao Blog SBR!