#AV | #Elétricos | #Goiás

Esporte a motor em Goiás, no Brasil e no Mundo

domingo, 11 de novembro de 2012

Miguel Paludo fica no top-15 mesmo após corrida cheia de acidentes


Em prova aguerrida, gaúcho da Turner Motorsports manteve o top-10 na temporada; última prova do campeonato será na próxima sexta-feira

Em uma das corridas acidentadas da temporada da Nascar Truck Series, o gaúcho Miguel Paludo terminou a Lucas Oil 150, no Phoenix International Raceway, Arizona, Estados Unidos, na 14ª colocação, mesmo após ser atingido em uma das batidas e ter que fazer várias paradas no box
para reparos.

Com a posição, Miguel se manteve em décimo no campeonato, ficando próximo de cumprir uma de suas metas do ano, que era terminar o campeonato da Nascar Truck Series dentro do top-10. Última prova do ano será nesta próxima sexta-feira em Miami, Flórida.

"A corrida deste final de semana foi muito acidentada, com nove bandeiras amarelas e uma vermelha. Infelizmente, em um desses acidentes, acabou sobrando para mim, já que fui acertado na parte dianteira direita de minha picape e também na parte traseira, de um piloto que não freou a tempo. Tive que parar nos boxes várias vezes, mas a equipe fez um grande trabalho de recuperação, não me fazendo perder muitas posições. Em virtude disso, a 14ª colocação foi tudo o que conseguimos como saldo positivo e nos manter no top-10 do campeonato", disse Miguel Paludo, que agora soma 629 pontos na temporada, 148 pontos a menos do que o líder James Buescher, que teve uma prova complicada no tri-oval de 1 milha do oval encravada no deserto.

Largando em 15º, Miguel Paludo começou a prova muito bem, ganhando quatro posições nas quatro primeiras voltas, indo para a 11ª posição. Voltas depois, Miguel continuava sua escalada e na volta 20 já era o décimo colocado.

Após o primeiro momento, Miguel perdeu um pouco de rendimento, dizendo que a picape estava um pouco presa nas curvas. Paludo se encontrava em 13º quando Jeff Choquette se chocou com certa violência no muro após ter um pneu furado.

Em sua parada, Miguel teve que fazer duas paradas nos boxes para troca dos quatro pneus, reabastecimento e ajustes nas barras, caindo posições e relargando de trás no pelotão, na 22ª colocação. Só que após poucas voltas, John King achou o muro, provocando a segunda amarela.

Relargando na 48ª volta, Miguel era o 19º colocado quando Jason White rodou sozinho e coletou Todd Bodine. Melhor para o gaúcho da Turner Motorsports, que foi para 17ª posição após a terceira amarela praticamente seguida. Neste momento, o piloto do #32 relatava via rádio que seu truck estava ótimo após as mudanças.

Com a verde sendo sacada na volta 54, novamente mais uma confusão limava alguns pilotos da prova, como Parker Klingerman e Ryan Blaney ainda na relargada. Com a quarta amarela, Paludo subia mais posições, ocupando agora a 14ª posição.

Na relargada, Johnny Sauter, Nelson Piquet, Ron Hornaday se enroscaram, sobrando um toque lateral em Miguel Paludo, que também recebeu uma batida na parte traseira da picape. Por isso, o gaúcho teve que visitar os boxes para consertos durante essa quinta bandeira amarela seguida.

Relargando na volta 74, a sexta amarela foi rapidamente sacada após a rodada de Cale Gale. Miguel era o 16º colocado no momento em que a prova chegava a sua metade. Miguel aproveitou para fazer sua parada, trocando somente dois pneus pulava para uma boa oitava colocação.

Com 65 voltas para o fim, Miguel perdeu algumas posições, caindo para a 13ª colocação. 15 passagens depois, com 50 voltas para o fim, a sétima amarela saiu após uma rodada simples de Mike Harmon.

Em 19º, Miguel relargava com 40 voltas para o fim. Só que na hora da bandeira verde, Brendan Gaugham, German Quiroga e Ty Dillon se envolviam em um acidente, que provocou a oitava bandeira amarela, que logo depois se transformou em uma vermelha, tamanho os detritos na pista.

Após 15 minutos de prova parada, os pilotos retornaram em amarela após a limpeza da pista. Com 36 voltas para o fim, a verde foi sacada com Paludo em 16º. Já com 20 para o final, Miguel subia para a 13ª posição, mas perdia uma até o fim da corrida, indo para 14º, posição que se manteve até o fim da corrida.

"Agora é nos focar para desempenhar um bom papel na última corrida do ano para fechar o campeonato com destaque, como foi na primeira prova em Daytona", diz Paludo, que fez a pole na abertura da temporada.

A 22ª e última etapa da Nascar Truck Series será a Ford EcoBoost 200, no Homestead-Miami Speedway, dia 16 de novembro, próxima sexta-feira. O site www.miguelpaludo.com.br traz mais informações, fotos e vídeos das corridas de Paludo. Para acompanhar notícias em tempo real, siga no twitter @miguelpaludo (o oficial do piloto).

Resultado final da Lucas Oil 150:
1º) 18 Brian Scott, (Dollar General - Toyota) 153 voltas
2º) 4 Kyle Larson, (Ganassi Earnhardt Racing - Chevrolet) 153
3º) 22 Joey Coulter, (American Eurocopter - Chevrolet) 153
4º) 17 Timothy Peters, (TOYOTA / Red Horse Racing - Toyota) 153
5º) 29 Ryan Blaney, (DrawTite / MOPAR - Dodge) 153
6º) 39 Ryan Sieg, (RSS Racing - Chevrolet) 153
7º) 33 Cale Gale, (Rheem Heating, Cooling & Water Heating - Chevrolet) 153
8º) 30 Nelson Piquet Jr., (Qualcomm / Autotrac - Chevrolet) 153
9º) 27 Ryan Truex, (LittleJoesAutos.com - Chevrolet) 153
10º) 6 Justin Lofton, (Lofton Cattle - Chevrolet) 153
11º) 35 Matt Merrell, (Merrell Lease Service - Chevrolet) 153
12º) 19 David Mayhew, (MMI / Steak & Grape - Dodge) 153
13º) 09 John Wes Townley, (Zaxby's - Toyota) 153
14º) 32 Miguel Paludo, (World Diabetes Day / Duroline - Chevrolet) 152
15º) 3 Ty Dillon, (Bass Pro Shops / Tracker Boats - Chevrolet) 152
16º) 99 Bryan Silas, (Rockingham Speedway - Ford) 152
17º) 31 James Buescher, (Exide - Chevrolet) 152
18º) 08 Todd Peck, (Stopain Cold / Arthritis Foundation - Chevrolet) 149
19º) 57 Norm Benning, (NormBenningRacing.com - Chevrolet) 148
20º) 88 Matt Crafton, (Fisher Nuts / Menards - Toyota) 144
21º) 23 Jason White, (GunBroker.com / Grime Boss - Ford) 136
22º) 9 Ron Hornaday Jr., (Anderson's Pure Maple Syrup / Bashas' - Chevrolet) 111
23º) 2 Brendan Gaughan, (South Point Hotel & Casino - Chevrolet) 109
24º) 51 German Quiroga, (NET10 Wireless - Toyota) 109
25º) 13 Johnny Sauter, (SealMaster / Curb Records - Toyota) 104
26º) 74 Brian Weber, (Koma Unwind - Chevrolet) 95
27º) 7 Parker Kligerman, (TOYOTA / Red Horse Racing - Toyota) 78
28º) 11 Todd Bodine, (Toyota Care - Toyota) 48
29º) 5 John King, (Fairway Frd - Ford) 43
30º) 97 Jeff Choquette, (Adrian Carriers / Liz Girl Logistics - Chevrolet) 34
31º) 25 Stephen Leicht, (Boggy Creek Air Boat Rides - Chevrolet) 22
32º) 93 Dennis Setzer, (RSS Racing - Chevrolet) 8
33º) 07 Ross Chastain, (Watermelon.org - Chevrolet) 7
34º) 84 Chris Fontaine, (Glenden Enterprises - Chevrolet) 6
35º) 38 Chris Jones, (RSS Racing - Chevrolet) 4
36º) 0 Blake Koch, (KOMA Unwind - Ford) 2

Classificação da Nascar Truck Series após 21 etapas:
1º) 31-James Buescher, 777
2º) 17-Timothy Peters, 766 (-11)
3º) 3-Ty Dillon, 765 (-12)
4º) 22-Joey Coulter, 748 (-29)
5º) 7-Parker Kligerman, 740 (-37)
6º) 88-Matt Crafton, 727 (-50)
7º) 30-Nelson Piquet Jr., 706 (-71)
8º) 6-Justin Lofton, 675 (-102)
9º) 13-Johnny Sauter, 639 (-138)
10º) 32-Miguel Paludo, 629 (-148)


www.rf1jornalismo.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem-vindo ao Blog SBR!