#AV | #Elétricos | #Goiás

Esporte a motor em Goiás, no Brasil e no Mundo

domingo, 18 de novembro de 2012

Touro indomável da Blau Motorsport vence em Campo Grande


Marcelo Hahn supera dores, acidente e vence prova na capital do MS após pole de Allam Khodair

"Um touro". Foi desta forma que Marcelo Hahn definiu o desempenho da Lamborghini Gallardo LP600 + na vitória da dupla da Blau Motorsport, na tarde deste sábado, em Campo Grande. Hahn e Khodair largaram na pole, dominaram a maior parte da corrida e subiram ao degrau mais alto do pódio pela xx vez na temporada 2012 do Campeonato Brasileiro de GT. E tudo isso Após um acidente que destruiu parte do carro número 16 e que, por pouco, não trouxe consequências mais graves para Hahn.

"O símbolo da Lamborghini [o touro] pode resumir o rendimento do nosso carro. Mas seria muito difícil resumir nosso dia em tão poucas palavras", avaliou Hahn. Não mesmo. 

Logo cedo, na primeira atividade de pista, Allam Khodair marcou a pole da primeira prova da rodada dupla em sua última tomada e com vantagem de apenas0s003 para Cláudio Ricci. "Sabia que era minha última chance, e por isso dei tudo de mim. No último trecho, achei que dei uma escapadinha que poderia nos custar a liderança. Mas deu. Quando soube do resultado, era só alegria", disse Khodair.

Mas a liderança do grid quase foi embora quando, na tomada do classificatório para a corrida de domingo, Marcelo Hahn se chocou contra o guard-rail. O piloto da equipe Blau Motorsport pegou um pouco de sujeira na curva 1, perdeu o controle do carro e bateu contra a grade a 120 km/h. O acidente destruiu o carro. Mas não era apenas a condição do equipamento que preocupava. Marcelo, mesmo sem sofrer ferimentos graves, sentiu fortes dores na coluna em decorrência do impacto. Dores que poderiam colocar fim a final de semana do piloto.

Começava aí uma corrida contra o relógio para recolocar a Blau Motorsport na pista. No ambulatório médico, os médicos tratavam de medicar Marcelo para deminuir as dores que o impediam de correr. Nos boxes, os mecânicos da Blau Motorsport faziam de tudo parra consertar o carro número 16.

"Foi um momento bastante tenso. De superação. Tanto no trabalho dentro dos boxes, com nossa equipe, como com o Marcelo. Ele foi um herói. Superou as dores e fez uma prova perfeita. Por isso mesmo os méritos desta vitória são principalmente deles: Marcelo e toda a nossa equipe", avaliou Khodair. 

"Tive que superar as dores para entrar na pista. Mas eu sabia que tinha de correr. Até porque, diante do que o Allam fez na classificação, não seria justo ele ficar sem correr. Fomos para cima e, juntos, conseguimos a vitória", disse Hahn. No pódio, a dupla da Blau Motorsport foi seguida por Walter Deran/Cláudio Ricci. Em terceiro ficou Boni/Jimenez.

No camponato, Khodair e Hahn saltaram da quarta para a terceira colocação e somam 129 pontos. Estão atrás de Cacá Bueno/Cláudio Dahruj (133) e dos líderes Duda Rosa e Cléber Faria, que têm 141.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem-vindo ao Blog SBR!