#Brasil

Esporte a motor em Goiás, no Brasil e no Mundo

terça-feira, 12 de agosto de 2014

F-Júnior teve presença ilustre e bela estreia em Brasília na abertura da Copa Brasil

Piloto de teste na Fórmula 1 na equipe Williams, Felipe Nasr levou seu conhecimento aos jovens da Fórmula Júnior


Causando ótima impressão, a Fórmula Júnior estreou no último final de semana, dias 9 e 10, em Brasília (DF), abrindo as disputas de sua primeira competição em caráter nacional. Foi a primeira etapa da Copa Brasil, disputada em duas baterias que foram, como sempre tem sido na categoria que faz a transição do kartismo para o automobilismo, extremamente
emocionantes.

As provas tiveram várias alternâncias na liderança e muita disputa em todas as posições, o que deixou o público em êxtase, a exemplo do que têm acontecido com a categoria nas provas disputadas pelo Campeonato Gaúcho nos autódromos do Rio Grande do Sul.

A Fórmula Júnior viveu momentos importantes e marcantes na estreia da Copa Brasil, que terá ainda outras duas rodadas, em Campo Grande (MS) e em Tarumã (RS). Na primeira bateria o estreante Pedro Cardoso, de Brasília, largou dos boxes depois de enfrentar problemas e trocar de carro. Depois, na segunda bateria, conquistou a vitória. Mas, neste hiato de tempo, a Fórmula Júnior viveu um de seus maiores exemplos de união. Enquanto os pilotos alinhavam para a largada da 1ª bateria, todas as equipes ajudaram Cardoso e sua própria equipe a trocar os pneus de um carro para outro, bem como sensor, banco e outros itens. Cardoso saiu para a pista a tempo de largar e, no mesmo momento, todos se abraçaram, comemorando o trabalho realizado em pouco mais de dois minutos.

Outro brasiliense, Vitor Jatobá, deu um susto nos espectadores na primeira bateria ao bater seu carro contra a barreira de pneus e capotar, causando apreensão. Porém, nada de grave aconteceu e Jatobá largou na segunda prova do dia com um carro cedido por outra equipe do "circo" da Fórmula Júnior.

"Alcançamos os resultados pretendidos nesta primeira prova da Fórmula Júnior fora do Rio Grande do Sul, além de vivermos momentos marcantes em uma categoria que mais uma vez mostra muita união e solidariedade", avaliam Claudio Fontoura e Neco Fornari, promotores da categoria. "Recebemos convites de várias outras praças para realizarmos provas da Fórmula Júnior e, no tocante a novos pilotos, realizamos um treino para alguns meninos na quarta-feira e eles provavelmente disputarão a próxima temporada. Só não correram agora por estarem abaixo da idade mínima permitida", concluem.

Para Fontoura e Fornari, a ida à Brasília foi benéfica para a categoria, que já tem dois dos novos pilotos confirmados para as outras duas rodadas da Copa Brasil e também para a próxima do Campeonato Gaúcho, em Rivera, no Uruguai, no final de setembro, Jatobá e Cardoso. "A categoria continua em crescimento e a criação da Copa Brasil foi uma injeção de ânimo para a Fórmula Júnior e seus pilotos e equipes", finalizam os promotores.

Já não mais uma promessa - e sim uma grande realidade - no automobilismo mundial, o brasiliense Felipe Nasr, que compete na GP2 e é piloto de testes na Williams, esteve presente na Fórmula Júnior. O piloto, que hoje está muito próximo de ser efetivado na Fórmula 1, participou do briefing com os pilotos, conversando com eles e passando orientações e impressões.

Confira o resultado das duas baterias da Copa Brasil e do Campeonato Gaúcho em Brasília:
1ª bateria
1 Matheus Rouver
2 Lucas Kohl
3 Lucas Villela
4 Lucyano Bussular
5 Pedro Cardoso
6 Bruna Tomaselli
7 Rodrigo Elger
8 Luis Carlos Sipauba
9 Vitor Jatobá
10 Zander Fábio
11 Franco Pasquale

2ª bateria
1 Pedro Cardoso
2 Franco Pasquale
3 Lucas Kohl
4 Lucyano Bussular
5 Bruna Tomaselli
6 Matheus Rouver
7 Lucas Villela
8 Vitor Jatobá
9 Zander Fábio
10 Luis Carlos Sipauba
11 Rodrigo Elger

KG COM Assessoria de Comunicação - Erno Drehmer (MTb/RS 14.706)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem-vindo ao Blog SBR!