#Brasil

Esporte a motor em Goiás, no Brasil e no Mundo

quinta-feira, 12 de maio de 2016

Consciência para um trânsito melhor

por Iris Júnior

De fato nós da SBR somos apaixonados pelo automobilismo, a velocidade, a disputa curva a curva, freiar no limite, tudo isso nos emociona, mas sabemos que isso só faz sentido dentro do autódromo com toda segurança.


Ao contrário das pistas, nas ruas o espaço tem que ser compartilhado por todos, respeitando o limite de velocidade e as demais leis de trânsito.



Quem dirige em Goiânia sabe que o goiano não costuma ser muito gentil no trânsito, parece disputar uma corrida, não aceita que entrem em sua frente mesmo que o motorista utilize a seta, fecha o cruzamento mas não deixa quem está na rua transversal entrar em sua frente, além de dirigir falando ao celular sem perceber que fecha outros veículos. E o pior, não se assume, mas adora buzinar e se irrita quando alguém  demora um pouco para arrancar no sinal.


Falta mais educação ao povo, respeito pelas vagas de deficiente e idoso, pela sinalização de trânsito, pelo próximo de maneira geral, não somente de frente fiscalização. 


Quando todos respeitam as regras tudo caminha melhor. Observe que quando todos mantém uma velocidade constante, uma distância segura em relação ao veículo da frente o trânsito flui, agora se a via é de 60 km/h e um está passeando a 20 km/h e o outro atrasado quer andar a 100 km/h não funciona direito.

2 comentários:

  1. Com certeza, não é só em Gyn, estamos vivendo este problema em âmbito nacional !!!

    ResponderExcluir
  2. Com certeza, não é só em Gyn, estamos vivendo este problema em âmbito nacional !!!

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo ao Blog SBR!