GO-SBR

Esporte a motor em Goiás, no Brasil e no Mundo

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

24H de Daytona: Fittipaldi é o oitavo colocado ao lado de Piquet, Nasr e Frisselle


O Corvette DP #5, da equipe Action Express, chegou a andar entre os primeiros colocados, mas após uma batida perdeu mais de 20 voltas nos boxes para o conserto do carro

Disputando sua oitava 24 Horas de Daytona, o brasileiro Christian Fittipaldi completou a 51ª edição da lendária prova, neste domingo (27), no oitavo posto. Ao lado dos compatriotas Nelsinho Piquet e Felipe Nasr e do norte-americano Brian Frisselle, eles chegaram a estar entre os primeiros com o Corvette DP #5 até mais da metade da corrida. No entanto, ainda de madrugada, na disputa da 14ª hora, Piquet bateu na saída dos boxes e o carro teve a suspensão traseira danificada. O time teve de trabalhar forte no conserto do carro, mas o quarteto perdeu mais de 20 voltas na pista.

A vitória na prova - que abriu a temporada da categoria Grand-Am nos Estados Unidos - ficou com a equipe Chip Ganassi, que dominou, largando na pole com o BMW Riley #1 e cruzando a linha de chegada em primeiro, sob o comando dos pilotos Juan Pablo Montoya, Scott Pruett, Scott Dixon, Charlie Kumball e Memo Rojas.

"Estava tudo perfeito. Vínhamos andando entre os quatro primeiros, quando o Nelsinho parou para abastecimento e troca de pneus. Fazia muito frio, ele saiu com os pneus novos e acabou tocando o muro na saída dos boxes. Quebrou a suspensão traseira e a equipe perdeu muito tempo para troca-la", contou Fittipaldi, vencedor das 24 Horas de Daytona em 2004.

"Sem dúvida, sem este problema, teríamos grandes chances de brigar pelo pódio. Superar a Ganassi seria difícil, mas o pódio era uma possibilidade, com certeza", afirmou o piloto, que largou na 11ª posição. A prova teve 57 carros na disputa, divididos nas categorias DP, GT e GX.

"Claro que estou chateado pela corrida, mas não com o Nelsinho. Poderia ter acontecido com qualquer um de nós. Eu continuo sendo fã do Nelsinho e ele sempre será bem-vindo para fazer corridas de longa duração comigo", ressaltou Fittipaldi, que já foi duas vezes vice-campeão das 500 Milhas de Kart ao lado de Piquet no Brasil.

O outro carro da Action Express, pilotado pelo português João Barbosa, o norte-americano Burt Frisselle e o alemão Mike Rockenfeller, terminou as 24 Horas de Daytona na quarta posição.

Fittipaldi disputará este ano a temporada completa da Grand-Am no Corvette #5. A próxima etapa acontecerá nos dias 1 e 2 de março, em Austin, no Texas (EUA).

Os 10 primeiros nas 24 Horas de Daytona:

1 Dixon, S / Kimball, C / Montoya, J / Pruett, S / Rojas, M (Chip Ganassi / Felix Sabates - BMW / Riley ) 709 voltas
2 Angelelli, M / Hunter-Reay, R / Taylor, J (VelocityWW - Corvette DP)
3 Allmendinger, A / Ambrose, M / Negri Jr, O / Pew, J / Wilson, J (Michael Shank Racing -
Ford / Riley)
4 Barbosa, J / Fittipaldi, C / Frisselle, B / Rockenfeller, M (Action Express Racing - Corvette DP)
5 Garcia, A / Gavin, O / Taylor, R / Westbrook, R (Spirit of Daytona Racing - Corvette DP)
6 Bourdais, S / Dalziel, R / McNish, A / Popow, A (Starworks with Alex Popow - Ford / Riley)
7 Fogarty, J / Gidley, M / Gurney, A / Law, D (GAINSCO/ Bob Stallings Racing - Corvette DP)
8 Barbosa, J / Fittipaldi, C / Frisselle, B / Nasr, F / Piquet Jr, N (Action Express Racing
Corvette DP)
9 Armindo, N / Lally, A / Lietz, R / Potter, J (Magnus Racing - Porsche GT3)
10 Baas, I / Basseng, M / Rast, R / Stippler, F (Audi Sport Customer Racing/APR Motorsport LTD.UK - Audi R8 Grand-Am / N/A)

Acompanhe o piloto Christian Fittipaldi pelo Twitter:
@fittitweet

Fotos: Carsten Horst / Hyset

Mais informações para a imprensa:
FGCom
Fernanda Gonçalves / Paula Maia
Tel. 11 3473.4845
Cel. 11 9.8245.4511