GO-SBR

Esporte a motor em Goiás, no Brasil e no Mundo

terça-feira, 22 de maio de 2018

Pole, vitória e recorde de pontos colocam Marcos Gomes de volta à briga pelo título da Stock Car

Piloto da Cimed Racing teve um domingo praticamente perfeito: fez a pole position pela manhã e dominou a corrida principal no interior do Rio Grande do Sul; na corrida 2, mesmo com grid invertido, pontuou bem e assumiu a vice-liderança do campeonato; Fraga brilha na corrida 2 com pódio

Marcos Gomes
Marcos Gomes
A etapa de Santa Cruz do Sul marcou a reação de Marcos Gomes na disputa pelo título da temporada 2018. Com um domingo quase perfeito, com pole e vitória na corrida principal, o piloto da equipe Cimed Chevrolet Racing saltou de sétimo para o segundo lugar no campeonato. Essa foi a segunda vitória do piloto de Ribeirão Preto na pista do Rio Grande do Sul e a 13ª
dele na história da Stock Car.

"Foi uma prova perfeita nossa. Pole position de manhã e agora veio a vitória. Eu queria dedicar esse primeiro lugar para a equipe Cimed Racing. Eu e o Manu (Hugon, engenheiro do time) fizemos um trabalho muito bom, mas gostaria de agradecer os 25 mecânicos da equipe, minha família, meus amigos e todos que torcem por mim. Eu tirei uma tonelada de peso das costas porque essa vitória vinha batendo na trave, mas hoje estou feliz demais por essa conquista", diz Gomes, que foi campeão da Stock Car em 2015.

Na corrida 2, com grid invertido, Gomes também foi bem e marcou importantes pontos no campeonato ao terminar na quarta posição. Com isso, o piloto estabeleceu o novo recorde de pontos na temporada em um final de semana: 42 pontos. "Fiz uma corrida planejando escapar dos problemas, já que o vencedor larga em décimo lugar. Fomos o maior pontuador da etapa e, se tivermos finais de semana assim sempre, vamos conseguir descontar a diferença para o líder até o final do ano", diz Gomes, lembrando que a próxima etapa rende mais pontos para a vitória (Corrida do Milhão) e a etapa final tem pontuação dobrada (vale 60 pontos).

Marcos foi o terceiro piloto da Cimed Chevrolet Racing a vencer na temporada - o time já venceu corridas neste ano com Felipe Fraga (Curitiba) e Cacá Bueno (Velopark).

Depois de enfrentar uma quebra de motor antes mesmo de completar uma volta na classificação, Fraga largou em último na corrida principal e, ultrapassando 16 carros, chegou no top-15. Na corrida 2, deu um show, com diversas ultrapassagens e subiu no pódio com a terceira posição.

"Hoje foi um dia que começou bem difícil para nós, mas o pódio foi importante para mostrarmos o tamanho do nosso potencial. Eu tinha grandes chances de ir para o Q3 se não fosse o problema de motor no classificatório e largando de último nós sabíamos que talvez perderíamos posições no campeonato. Foi uma etapa divertida ali dentro do carro, fiz várias ultrapassagens, teve vários toques pelo caminho e acho que isso até me impediu de disputar o primeiro lugar na corrida 2. Agora vamos trabalhar para recuperar na Corrida do Milhão daqui quase dois meses. Espero voltar com tudo na segunda parte do campeonato", diz Fraga, que segue em terceiro na tabela.

O time também colocou Lucas Foresti entre os primeiros, na sexta colocação na corrida principal. "Na corrida 1 eu fiz uma boa largada e contei com alguns enroscos à frente. Nos boxes a equipe fez um trabalho excepcional e ganhamos mais uma posição, o que me deixou muito feliz pois garantimos 15 pontos nesta prova em um final eletrizante contra outros três pilotos. Na prova seguinte virei passageiro, fui prensado entre dois carros, o que foi lamentável e estragou uma corrida onde tínhamos um potencial enorme", comenta o piloto da equipe Cimed Racing.

Denis Navarro também marcou vários pontos ao chegar em 11º lugar na prova 1. "Nós quase ficamos na pole da corrida 2, faltou ganhar uma posição na primeira prova e isso poderia ter mudado toda a história do nosso final de semana. Nós poderíamos ter largado até mais à frente também na primeira prova. Na corrida 2, eu tomei um toque na curva 1 e depois me envolvi em uma disputa com o Tuka (Rocha) e isso nos tirou disputa. Agora vamos pensar na Corrida do Milhão em Goiânia", diz Denis.

A etapa só não foi perfeita para a Cimed Racing porque Cacá Bueno, que era o vice-líder do campeonato, não marcou pontos em Santa Cruz do Sul após um acidente envolvendo três carros na curva 1 na corrida principal.

"O final de semana complicou um pouco por não ter ido bem no classificatório, aqui a largada também é complicada e acabei perdendo algumas posições. Eu me recuperei bem e tentei fazer a estratégia de Curitiba e Londrina privilegiando a segunda corrida. A ideia era tentar permanecer ali no top-10 da primeira prova para largar entre os líderes da corrida 2. Isso vinha funcionando até o (Vitor) Genz tentar uma manobra infeliz cruzando por trás do meu carro. O lado esquerdo era meu, eu já havia decidido isso antes dele, portanto não havia espaço para a manobra e ele acabou acertando minha traseira. O acidente nos tirou das duas provas", disse Cacá, que agora é o sexto no campeonato.

A Stock Car agora dá uma pausa de dois meses no campeonato e volta às pistas no começo de agosto para a Corrida do Milhão, que será disputada no Autódromo Ayrton Senna, em Goiânia (GO).

Resultado da Corrida 1 – Top-10*
1. 80 Marcos Gomes (Cimed Chevrolet Racing Team)
2. 29 Daniel Serra (Eurofarma RC)
3. 65 Max Wilson (Eurofarma RC)
4. 4 Julio Campos (Prati-Donaduzzi Racing)
5. 51 Átila Abreu (Shell V-Power)
6. 12 Lucas Foresti (Cimed Chevrolet Racing Team)
7. 21 Thiago Camilo (Ipiranga Racing)
8. 30 Cesar Ramos (Blau Motorsport)
9. 18 Allam Khodair (Blau Motorsport)
10. 110 Felipe Lapenna (Cavaleiro Contuflex)

Resultado da Corrida 2 – Top-10*
1. 51 Átila Abreu (Shell V-Power)
2. 21 Thiago Camilo (Ipiranga Racing)
3. 88 Felipe Fraga (Cimed Chevrolet Racing)
4. 80 Marcos Gomes (Cimed Chevrolet Racing Team)
5. 29 Daniel Serra (Eurofarma RC)
6. 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports)
7. 30 Cesar Ramos (Blau Motorsport)
8. 110 Felipe Lapenna (Cavaleiro Contuflex)
9. 4 Julio Campos (Prati-Donaduzzi Racing)
10. 77 Valdeno Brito (Eisenbahn Racing Team)
*RESULTADOS SUJEITOS A VERIFICAÇÕES TÉCNICAS E DESPORTIVAS

CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO (TOP-10):
1. Daniel Serra – 152 pontos
2. Marcos Gomes – 109
3. Felipe Fraga – 91
4. Max Wilson – 90
5. Julio Campos – 87
6. Cacá Bueno – 80
7. Rubens Barrichello – 80
8. Lucas di Grassi – 68
9. Thiago Camilo – 66
10. Átila Abreu - 63